Moogle Nest

Monday, March 10, 2008

Vermelha ou azul?

Qual pílula você toma, a vermelha ou a azul?
Quando Matrix virou modinha, essa pergunta que dentro do filme parecia tão simples se tornou um embaraçado novelo de lã de idéias. Para os leigos que nunca viram Matrix - se é que eles existem - a pergunta consistia no seguinte dilema: Neo, famigerado "escolhido", tinha sido alertado por Morpheus que ele estava prestes a adentrar
a realidade (conceitual do filme). Até aonde ele tinha ido, ele já estava assustado o bastante para sair correndo, então uma escolha lhe foi oferecida. Se ele escolhesse a pílula azul, ele acordaria em sua casa, "amnesiado", sem ter a menor idéia de qualquer uma das teorias que lhe tinham sido apresentadas e as que ainda estavam por vir, podendo acreditar no que ele quisesse. Se escolhesse a vermelha, ele conheceria a "verdade", a realidade, novamente conceitual, do filme. Lógico que ele escolheu a vermelha, senão não tinha pano pra manga pras duas horas de filme.
Mas você, qual você toma?

Hoje meu professor de Teorias de Jornalismo levantou essa questão. Se você namorasse firme há anos, amasse sua namorada e tivesse certeza de que ela era a mulher da sua vida... mas um dia alguém lhe diz que possui fatos que provam que ela te traía desde que vocês se conheceram com o seu melhor amigo. Você prefere saber a verdade, ou fingir que está tudo bem e continuar vivendo a sua vida perfeita com ela?
Resposta da maioria das pessoas: a verdade. "Verdade".
Você não quer saber a verdade. Você acha que quer, você acha que a verdade é sempre a melhor opção em todos os casos. Você acha. Ninguém nunca tem certeza do que quer. Como meu professor sabiamente disse, nem tudo a gente tem direito de saber. Não, o povo nem sempre tem o direito de saber o que se passa por trás da pantomima do Senado assim como você não tem o menor direito de saber qual é a cor da calcinha que eu estou usando agora.

Hoje no meu trabalho, uma cliente que eu sempre indicava filmes "água-com-açúcar" veio reclamar da minha última indicação, Children of Men. Disse que adorava quando eu indicava "outros filmes" para ela e que tinha detestado o filme porque "era cheio de violência, sangue, guerra e mortes". Daí eu argumentei que o filme é interessante porque diz respeito a um futuro que é possível. Assustador e pessimista, mas possível nonetheless. Ela retrucou que ela prefiria ver o mundo como um lugar melhor no futuro e que "são esses pensamentos pessimistas que trazem um mundo daqueles", atacando a minha humilde opinião. Eu perguntei, então, qual seria o filme que melhor descreveria o futuro do planeta para ela.
Pasmem: Because I Said So. Minha Mãe Quer Que eu Case.
Essa cliente foi a prova mais descaradamente lavada de pessoas que tomam a pílula azul.

Here's what I think: pra começar, não são pensamentos que fazem o nosso futuro; são AÇÕES. Acho que ela andou assistindo muito The Secret. Então vamos todos sentar juntos na pracinha e imaginar que os dinossauros estão vivos e pans! é? Filmes como o Jardineiro Fiel, Hotel Ruanda e Diamante de Sangue são filmes violentíssimos e que retratam uma realidade (com um toque de hollywood of course). Então ela vai assistir Diário de uma Paixão e Um Amor pra Recordar porque retratam o que realmente acontece no planeta? Obrigada, meus Deuses, por sermos todos cópias fiéis da Bridget Jones em toda a sua grandiosidade.

Eu digo que eu tomo com prazer a pílula azul em certos casos específicos. Acho que às vezes a verdade faz bem, mas em alguns momentos ser ignorante é bem mais legal. Se você acha que aguenta a vermelha, good for you, eu fico feliz. Eu admito que sou fraca demais para tomá-la. A azul deve ser mais gostosa.

Labels:

7 Comments:

  • Posso falar com certa propriedade sobre pílulas azuis e vermelhas, porque sou um puta fã de Matrix. A questão é que o filme precisa de um roteiro que ande pra frente, por isso a pílula azul é deixada de lado, mas o fato é que ela não é errada.
    EU sempre prefiro a vermelha, mas admito que quem quer ser enganado, merece isso, mas nem por isso está errado.

    E olha a facilidade: A novela dura mais do que o jornal na TV.

    By Blogger Daniel Bastos, At 8:18 AM, March 11, 2008  

  • Isso sao horas e horas de debate =/
    Minha opniao, vermelha pq o meu medo já é o contrário do mencionado. O meu medo é de estar vivendo uma ilusão, um sonho, algo que não é real. Só que o filme já leva isso pra 1 nível acima, o que é real? O que te dá certeza de que o que vc ta vivendo é real?
    Por isso q toda vez q tenho q "tenho que escolher uma pílula" pego a vermelha, pra fugir da ilusão que to vivendo, se estou vivendo. Se o real for pior, bom fudeu xD, mas se for melhor, uhuu me dei bem. É sempre 50%.
    Recomendação, se puder assista Zeitgeist, foi lançado ano passado. É meio que desenhar o que postei aqui xD.
    Anyway, toma a pilula que escolher quem se sente bem com a escolha. Quem toma a azul nao tem pq assumir q é medroso, assim como quem toma a vermelha nao tem pq bater no peito e dizer SOU FODA. Dpois morde a lingua e se ferra. xD
    É isso o/

    By Anonymous Handry, At 5:34 PM, March 11, 2008  

  • Mas eu SOU medrosa. :P

    Há situações e situações, mas sinceramente na maioria delas, eu prefiro a azul.

    By Blogger Nielle, At 5:43 PM, March 11, 2008  

  • O melhor de tudo é o púrpura e eu acho que o cinema vai mais pra esse lado, revela a verdade pela mentira ou vice-versa e etc.

    Não é vermelho nem azul.

    By Blogger Cidadão ³, At 9:47 PM, March 11, 2008  

  • Uau.

    By Blogger Nielle, At 12:48 AM, March 12, 2008  

  • Eu não conseguiria tomar a azul.
    Tomaria a vermelha simplesmente porque sou curioso e iria querer saber até onde vai a história.

    By Blogger Salomão "Tek", At 4:35 PM, March 15, 2008  

  • Cara, se eu pudesse tomava uma pílula verde, assim eu não precisaria escolher os momentos em que apareceria a verdade ou a ilusão, elas simplesmente apareceriam sem eu saber. Eu gosto de filmes violentíssimos que retratam situações verdadeiras porque sempre que os vejo, por increça que parível, eu me sinto mais forte para continuar vivendo e querendo fazer a diferença. Foda-se se é verdade ou não, o importante é a essência. Nem sempre a verdade é ruim e nem sempre a ilusão é boa, é tudo uma questão de escolha.
    Agora um comentário básico para sua cliente: o futuro até pode ser lindo, mas será que o presente é tão lindo assim?!
    =******

    By Blogger Minny, At 8:41 PM, March 24, 2008  

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]



<< Home